05-poesia-cancao

POESIA E CANÇÃO: CONJUNÇÕES
8, 9, 10, e 11 de agosto, das 19h às 21h, 8h, 10 vagas
Ronald Augusto

RESUMO

Como o título indica, o curso abordará a relação entre as duas artes a partir da perspectiva de uma valorização tanto das diferenças, quanto das interações possíveis entre esses campos da expressão verbal e musical. O que diferencia um poema de uma letra de música? É verdade que a letra não é bem poesia? O músico-letrista é um artista não-verbal? Na composição, o que vem primeiro, a música ou a letra? Estas e outras questões serão debatidas e experimentadas ao longo de um curso cujo foco será o da prática da composição poético-musical, permitindo ao participante um conhecimento efetivo de alguns conceitos teóricos por meio do exercício criativo. Uma oficina viva e de trocas inventivas. Tal como a música, na essência a literatura se faz de um som e uma pausa, essa é uma conjunção possível.

METODOLOGIA

  1. Audição de canções e percepção de efeitos melódicos relacionados à função poética das respectivas letras. Composições de Chico Buarque, Tom Jobim, Caetano Veloso.
  2. Leituras de poemas e exercícios de metrificação. A estrofe como uma espécie de melodia surda.
  3. Leituras de poemas musicados e comparação com os mesmos poemas em sua condição de objeto verbal em suporte papel ou livro: diferenças e conjunções. Confrontação de poemas-letras de Manuel Bandeira, Drummond versus as versões musicais de Marcelo Delacroix, Tom Jobim e Milton Nascimento.
  4. Propor o músico-letrista como um artista que fala principalmente por meio da melodia do que por meio das palavras: Paul McCartney, Jorge Ben.
  5. Criar letras a partir de uma melodia, isto é, entender a letra como uma escrita que deriva do som, que se constitui a partir de um estimulo não verbal. O significado (o texto) surgirá, assim, desde um espaço eminentemente não verbal ou escasso de significação convencional (a música).

VALOR
R$ 250,00

PRÉ-REQUISITOS

Não é necessário conhecimento prévio.

Não é obrigatório, mas cada participante pode levar um instrumento musical.

PÚBLICO ALVO
A partir de 16 anos. Músicos, letristas, escritores; e público em geral.

NUMERO MÍNIMO
5 inscritos

NUMERO MÁXIMO
10 inscritos

QUEM É O MINISTRANTE

Ronald Augusto é músico, letrista, poeta e ensaísta. Integrante da banda os poETs (que já lançou dois CDs e acaba de colocar no mercado o DVD dos poETs ao vivo). É letrista e parceiro de Marcelo Delacroix. Recentemente emplacou uma bela parceria com Simone Rasslan e Alvaro RosaCosta, grandes vencedores do Açorianos de Música com o CD “Xaxados e Perdidos”, nesse álbum Ronald Augusto é o letrista de três canções. As influências musicais de Ronald Augusto vão do samba ao rock, passando pelo jongo e o jazz, o cinema e a poesia. Suas produções foram publicadas em revistas literárias, bem como em antologias, dentre elas destacamos: A razão da Chama, organizada por Oswaldo de Camargo (1986), a revista americana Callaloo: African Brasilian Literature: a special issue, EUA (1995 e 2007), a revista alemã Dichtungsring Zeitschrift für Literatur, e outras. Atualmente Ronald Augusto realiza palestras e oficinas/cursos abordando assuntos como música, poesia contemporânea e visual. Em 2007 criou ao lado do poeta Ronaldo Machado a Editora Éblis, voltada para a poesia.  De 2009 a 2013 foi editor associado do website WWW.sibila.com.br. Tem colaborações (resenhas e artigos de cultura e arte) nos cadernos Caderno da Sábado do Correio do Povo, Cultura do Diário Catarinense e do jornal Zero Hora. De suas principais publicações destacamos, entre outros, Homem ao Rubro (1983), Puya (1987), Kânhamo (1987), Vá de Valha (1992), Confissões Aplicadas (2004), No Assoalho Duro (2007), Cair de Costas (2012), Oliveira Silveira: poesia reunida (2012), Decupagens Assim (2012) e Empresto do Visitante (2013). Dá expediente no blog www.poesia-pau.blgspot.com  e é colunista do site http://www.sul21.com.br/jornal/

INSCRIÇÃO

Pessoalmente, na Faferia, por depósito bancário enviando um e-mail para faferiadnadearte@gmail.com, informando nome e telefone, ou por meio do pagseguro.

Para pagar a oficina clique na imagem abaixo do serviço pagseguro do UOL, um ambiente seguro para compra online, aceitando todas as bandeiras de cartão de crédito com a condição de 03 parcelas no máximo. Há opção de boleto bancário. Não é necessário ter cadastro no pagseguro para efetuar o pagamento, é rápido e seguro.

Clique na imagem do pagseguro para efetuar pagamento com cartão